sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Catalunha pode declarar independência após eleições

O porta-voz do governo da Catalunha, Francesc Homs, afirmou nesta sexta-feira que o Parlamento da região autônoma poderá proclamá-la um Estado independente da Espanha após as próximas eleições, informou o jornal espanhol El País.



Em entrevista para a rádio RAC 1, Homs disse que o presidente da Catalunha, Artur Mas, ainda não decidiu se adiantará as eleições, que podem ocorrer no dia 25 de novembro. Depois do pleito, a independência pode vir através de referendo popular ou decisão do Parlamento. O Governo de Convergência e União, que administra a Catalunha, vem advertindo nos últimos dias que a via da independência é irreversível, reportou o El País.

Homs afirmou também que a independência da Catalunha é um processo que já tem três décadas, que chega "depois de pacientemente termos feito contribuições para toda a Espanha, muitas vezes mais que alguns". Ele descreveu a Espanha como um "leão" que ataca "com toda sua força" a "gazela" catalã, cuja única arma é a "agilidade".

Se Essa moda pega no Brasil, já vejo os estados tudo querendo se separar. cada um mais barrista que o outro.